Os 7 Patrimônio Naturais do Brasil – Destinos espetaculares

Os 7 Patrimônio Naturais do Brasil – Destinos espetaculares

Para começar, vamos de Mark Twain: “Daqui a vinte anos, você não terá arrependimento das coisas que fez, mas das que deixou de fazer. Por isso, veleje longe do seu porto seguro. Pegue os ventos. Explore. Sonhe. Descubra.”

Sim, é maravilhoso sair do nosso “porto seguro”. Sim, é inquietante ficar estacionado. Sim, é necessário “velejar para longe”. Sim, é saudável “pegar os ventos, explorar, sonhar, descobrir”, portanto, quem sabe não está na hora de viajar? Que tal explorar maravilhas do Brasil?

Entre as diversificadas e inúmeras opções de turismo no Brasil, vamos falar de 07 destinos imperdíveis. Podemos dizer que são 07 maravilhas, lugares tão bacanas que foram declarados como Patrimônio Natural da Humanidade, pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), lembrando que, para ser definido como patrimônio da humanidade, esses locais devem ser considerados valiosos para todo o mundo, dessa maneira precisam ser resguardados e protegidos por todos.

O Brasil é realmente um lugar extraordinário, um misto encantador de mar, rios, montanhas, serrado, florestas, trilhas, lagos, cavernas, ilhas, cânions…

Convenhamos, o país é uma de riqueza natural impressionante! Uma beleza, um destino cheinho de outros destinos; um “patrimônio”. Aqui, indicaremos algumas opções, mas sabemos que a lista de lugares fascinantes é gigante. Faça os seguinte, ao final desse post, nos comentários, nos mande outras sugestões de locais, no Brasil, que você indicaria como patrimônio natural. Estamos combinados? Será legal saber suas indicações.

Voltamos de onde citávamos que é muito ruim se arrepender do que deixamos de fazer, dessa maneira, vamos fazer a lista de sugestões para as próximas viagens? Nada de arrependimentos. Segue, então, nossas dicas de 07 oportunidades pra lá de maravilhosas – Os Patrimônios da Unesco no Brasil:

  1. Parque Nacional de Iguaçu, em Foz do Iguaçu, Paraná e Argentina – O Parque se divide em uma parte na Argentina e outra no Brasil, as cataratas compõem o maior complexo de cachoeiras do mundo, numa dimensão de aproximadamente 2.700 m de extensão, com fauna e flora exuberante. Alguns dos atrativos: Cataratas do Iguaçu; Trilha do Poço Preto e Trilha das Bananeiras.
  2. Mata Atlântica – Reservas do Sudeste, São Paulo e Paraná – Reservas com uma afluência dos mais emblemáticos exemplares da Mata Atlântica, cerca de 470.000 hectares, distribuídos em 25 áreas protegidas. Alguns dos atrativos: Florestas densas, montanhas, dunas, ilhas costeiras, cavernas, cachoeiras, mangues. Uma diversidade biológica impressionante, ecossistemas e paisagens que representam a singularidade da região. As possibilidades são tantas, que precisaria uma vida inteira para conhecer todas as belezas dessa porção tão rica do Brasil.
  3. Costa do Descobrimento – Reservas da Mata Atlântica, Bahia e Espírito Santo – Uma área de cerca de 112 mil hectares de Mata Atlântica e restingas, abrangendo territórios da Bahia e do Espírito Santo. Uma biodiversidade imensa dividida em oito áreas protegidas das florestas tropicais da costa atlântica do Brasil. Alguns dos atrativos: 03 parques nacionais: do Descobrimento, Monte Pascoal e o Pau Brasil; 02 reservas biológicas: Sooretama e a do Una; 03 reservas especiais: Veracruz, Pau Brasil e Linhares.
  4. Complexo de Áreas Protegidas da Amazônia Central – Mais de 6 milhões de hectares de área protegida da Bacia Amazônica. Florestas de igapó, lagos, canais, em uma vasta área onde estão localizados o Parque Nacional do Jaú, a área de demonstração da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamairauá, a Reserva de Desenvolvimento Sustentável Amanã e a Estação Ecológica Anavilhanas. Algumas espécies ameaçadas, como o peixe-boi amazônico, o tatu canastra, o pirarucu, o jacaré-açu, botos e a maior variedade de peixe elétrico do mundo fazem parte do espetacular universo aquático que pode ser encontrado nessa diversidade de ecossistemas.
  5. Complexo de Áreas Protegidas do Pantanal, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul – Um conjunto de quatro unidades de conservação, com área total de 187.818 hectares, no Centro-Oeste do Brasil, sudoeste do Estado do Mato Grosso, ocupando 1,3% do pantanal brasileiro. Uma composição que abrange um dos maiores ecossistemas de água doce em zonas úmidas do mundo. Numa região que faz fronteira com o Paraguai e a Bolívia, a área é extraordinária no que diz respeito a flora e fauna, onde pode-se avistar animais como macaco-prego, jaburu, cachorro do mato e os frondosos ipês roxos.
  6. Áreas protegidas do Cerrado: Chapada dos Veadeiros e Parque Nacional das Emas, Goiás – Localizadas no Planalto central brasileiro, estado de Goiás. Conhecer o Cerrado é descobrir a beleza e os mistérios de um dos ecossistemas tropicais mais antigos e diversificados do mundo, com uma flora abundante e fauna caracterizada por populações de grandes mamíferos: lobo-guará; onça-pintada; tamanduás gigantes, veado campeiro, entre outros, além de aves como a ema, maior ave da América do Sul.
  7. Ilhas Atlânticas Brasileiras: Reservas de Fernando de Noronha e Atol das Rocas – Fernando de Noronha é uma arquipélago constituído de 21 ilhas, um dos mais importantes parques marinhos do Mundo. O arquipélago é localizado no Oceano Atlântico e pertencente ao estado de Pernambuco. Alguns dos atrativos de “Noronha”: Baía dos Golfinhos: onde se faz observação da espécie golfinho rotador; Corveta Ipiranga: local para prática de mergulho e observação da fauna marinha (peixes recifais e tartarugas); Projeto TAMAR: projeto de proteção das tartarugas marinhas; Forte de Nossa Senhora dos Remédios; Morros Dois irmãos e Do Pico; Praia do Boldró, Praia da Cacimba do Padre, Praia da Biboca, Baía dos Golfinhos, Baía do Sancho, Praia do Americano, Praia do Bode, Praia do Cachorro, Praia da Conceição, entre outras. Fernando de Noronha e um local para se visitar e voltar muitas vezes.

Embora a visita ao Atol das Rocas seja rigorosamente controlada e com autorização prévia do IBAMA, é importante falarmos um pouco desse conjunto espetacular de ilhas, compostas por algas calcárias e corais, com lagoas e piscinas de mar, com uma infinidade de peixes. Um santuário ecológico, localizado a aproximadamente 267 km da Cidade de Natal/RN e a 148 km, a oeste, de Fernando de Noronha. Por ser considerado um dos principais ambientes ecológicos do Brasil, foi transformado na primeira unidade de conservação da Marinha do Brasil em 1979, quando passou a Reserva Biológica. O livro ‘Atol das Rocas’ de Luciano Candisani – fotógrafo especializado em temas ambientais é uma maneira alternativa de “viajar” por esse paraíso.

Apresentamos um resumo de cada um dos patrimônios naturais da humanidade existentes no Brasil e algumas das possibilidades de atrativos, pois seriam muitas e muitas telas de textos para relatar tudo o que estes destinos representam. O que podemos dizer é que há muito o que fazer nesses lugares espetaculares: Caminhada; Contemplação da natureza; Rafting; Mergulho; Rapel; Trilha de bicicleta; Surf; Arvorismo; Avistamento de fauna; Passeios de barco e muitas outras aventuras. Dependerá muito das características de cada local e da sua vontade de desbravar, de viajar.

O patrimônio é de todos e o sonho é só seu! Realize!

Venha planejar sua viagem conosco! A Tartarugas Turismo de Aventura tem várias opções, orientações e atendimento personalizado, especial para você!

Alguns links inspiradores:
Patrimônio Mundial no Brasil: http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/culture/world-heritage/list-of-world-heritage-in-brazil/
Parque Nacional do Iguaçu – Guia do Visitante: http://www.icmbio.gov.br/parnaiguacu/guia-do-visitante.html
Cataratas do Iguaçu – Guia Completo: https://viagenscinematograficas.com.br/2014/08/foz-cataratas-iguacu-em-5-dicas-guia.html
Site Oficial do Arquipélago de Fernando de Noronha: http://www.noronha.pe.gov.br/
Descubra como visitar a região de Atol das Rocas: https://www.adventureclub.com.br/blog/dicas-de-viagem/descubra-como-visitar-a-regiao-de-atol-das-rocas/

Comentários

Deixe uma resposta